Biodiversidade|GRI G4-DMA|

A Política sobre Sustentabilidade da Organização Odebrecht é o documento que ampara as ações da Odebrecht Agroindustrial na sua relação com o Meio Ambiente. Nela, estão contidas as orientações e diretrizes para uma atuação correta. Além disso, são seguidas as leis e normas brasileiras e as recomendações internacionais aplicadas ao setor sucroenergético.

 

A Empresa não realiza atividades em áreas protegidas e/ou de elevado índice de biodiversidade, além de não promover o desmatamento de vegetação nativa. A cana-de-açúcar, principal matéria-prima utilizada na sua operação é cultivada em campos previamente antropizados, em biomas de Cerrado e Mata Atlântica.

Mesmo não causando impacto significativo, direto ou indireto, na biodiversidade, as Unidades Agroindustriais desenvolvem um Programa de Monitoramento de Fauna, estruturado em quatro etapas: levantamento e monitoramento da fauna e organismos aquáticos; levantamento da ocupação das áreas plantadas e do uso da fauna silvestre; levantamento e monitoramento da fauna de vertebrados atropelados; e informação e cuidados com animais peçonhentos.
|GRI G4-EN12|

A Empresa realiza ainda diversas ações em áreas de influência direta e indireta de suas atividades, em parceria com organizações não governamentais, órgãos ambientais e instituições de ensino e pesquisa, que visam manter a integridade do meio ambiente. Também detém certificações, entre elas Bonsucro (Europa e Ásia), RFS2 (EUA) e CARB (Califórnia), que asseguram a conformidade de suas Unidades.

Propriedades próximas a áreas protegidas ou de alta biodiversidade |GRI G4-EN11|

  UNIDADE ÁREA
POLO SÃO PAULO Alcídia 1.611 hectares (16,1 km²) no entorno de Unidades de Conservação (Parque Morro do Diabo e Estação Ecológica Mico-Leão-Preto)
Conquista  do Pontal 869 hectares (87 km²) no entorno de Unidades de Conservação (Parque Morro do Diabo e Estação Ecológica Mico-Leão-Preto)
POLO ELDORADO Eldorado As APAS foram desafetadas e, portanto, não há mais áreas de cana em áreas protegidas nesta região
POLO SANTA LUZIA Santa Luzia As APAS foram desafetadas e, portanto, não há mais áreas de cana em áreas protegidas nesta região
POLO GOIÁS Rio Claro Não possui
POLO ARAGUAIA Morro  Vermelho 9.393 hectares (9,39 km²) na Zona de Amortecimento do Parque Nacional das Emas
Água  Emendada Não possui
POLO TAQUARI Costa Rica 50.178 hectares (50,2 km²) localizados em Zonas de Amortecimento da APA Nascentes do Rio Sucuriu e Parque Municipal Salto do Rio Sucuriu
Alto Taquari 26.786 hectares (26,8 km2) localizados em Zonas de Amortecimento da APA do Sapo, APA do Ninho das Águas e Parque Municipal Salto do Rio Sucuriu
 TOTAL   88.837 hectares (88,83 km²)